COMO O CONSUMIDOR DEVE AGIR DIANTE DE UM ATAQUE HACKER


Imagine a seguinte situação, você realiza uma compra pela Internet e dias depois a empresa sofre um ataque hacker, impossibilitando o acesso ao site e dados da compra. Esse é o tipo de notícia que vem chamando bastante atenção, pois está se tornando cada vez mais comum, sites de compra são atacados por hackers e os consumidores se veem desamparados num momento como esse.


Saiba que seus direitos estão garantidos, então fique tranquilo. Neste artigo abordaremos lhe mostraremos quais são seus direitos e como você deve agir diante dessa situação.


Caso tenha sido realizada a compra de algum produto e o consumidor tenha alguma insegurança por conta do ataque hacker, o Código de Defesa do Consumidor garante o direito cancelar o pedido e reembolso integral do valor pago. Se, porventura, a empresa negar o cancelamento do pedido, a orientação é que o consumidor procure o Procon da sua cidade e registre uma reclamação ou consulte um advogado de sua confiança.


Agora, no caso de o consumidor decidir por manter a compra há grandes possibilidades de haver algum atraso. Ainda assim a empresa deverá cumprir com o prazo de entrega ou fixar um novo e razoável prazo, em caso de descumprimento é possível pedir a restituição do valor pago.


Além da preocupação com a compra, é importante que o consumidor fique atento se o ataque hacker ocasionou no vazamento de dados dos clientes. Por precaução o indicado é realizar o bloqueio do cartão de crédito utilizado/salvo no site e até mesmo trocar a senha do cartão. Tomando essas medidas, em caso de vazamento de dados seus cartões ficarão inutilizados e seus dados ficarão seguros.


Caso você esteja passando por uma situação semelhante ou tenha alguma dúvida relacionada ao direito do consumidor, entre em contato conosco. Temos uma equipe especializada e à disposição para lhe atender.





5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo